10 fatos sobre cachorrosHospital Veterinário Campinas, Hospital Veterinário 24 horas |
Projetos de Gatil no quintal blog Aquela Zona
Projetos de Gatil para todos os ambientes
9 de fevereiro de 2016
Mostrar tudo

10 fatos sobre cachorros

10 Fatos sobre cachorros para você que pensa que conhece o seu. Conforme o tempo passa a gente percebe que eles tem quase que uma personalidade própria e uma maneira particular de se relacionar com cada membro da família. Antes de mais nada, a família para ele é a sua matilha e ele trata cada um conforme o seu lugar na cadeia hierárquica do grupo.

Estudo neurológicos em cães já provaram que eles aprendem o nosso idioma e entendem o que a gente fala, e usam o mesmo processo de aprendizado que o nosso, a associação.

Fatos sobre os cachorros

1 – Seu cachorro é tão esperto quando a um humano de 2 anos de idade: Está explicado então porque seu filho(a) de dois anos de idade se dá tão bem o cachorro, eles falam o mesmo idioma, entendem até 250 palavras e gestos;

2 – Gatos e cachorros bebem água do mesmo jeito: Apesar dos cachorros fazerem mais bagunça do que os gatos quando tomam água, o processo de levar a água até a boca é o mesmo. Cães e gatos quando colocam a língua na água dobram a ponta e levantam uma coluna de liquido até a boca.

3 – Seu cachorro tem perfeita noção do tempo: Se você percebeu que o seu cachorro sabe a hora que você chega em casa ou quando está na hora de passear, é a mais pura verdade. Os cães aprendem a rotina da casa com muita facilidade e tem noção exata de quanto tempo se passou. Experimentos mostram que os animais respondem de forma diferente dependendo de quanto tempo seus donos passam fora.

4 – Os bigodes dos cães o ajudam a enxergar no escuro: Não é como se fossem órgãos supersensíveis que dão o poder de visão noturna ao cachorro, mas os bigodes captam as correntes de ar ao redor e ajudam a dar noção de velocidade e localização das coisas no caminho, mesmo no escuro.

5 – Os cães tem glândulas de suor nas patas: As glândulas estão localizadas entre os dedos e o centro das patas, por isso que as vezes eles parecem que estão com as patas molhadas quando voltam para dentro de casa num dia quente. O suor, assim como nos outros mamíferos, é um sistema natural de controle da temperatura corporal, por isso também que os cães colocam a língua pra fora da boca para respirar, fazendo a troca da temperatura corporal com o ar ambiente.

Só para não esquecer, experimente o chão com a sua mão antes de sair com o seu cão num dia quente. Se você sentir que está queimando sua pele, as patas dele também vão se queimar.

6 – A força da mordida de um cão: A média de força da mordida de um cão é de 320 libras (145,15 quilos), o resultado foi obtido em testes realizados em um pastor alemão, um bull terrier e um Rottweiler. E os cães tem 10 dentes a mais do que os humanos 42 no total e a mordida de um humano adulto é de 120 libras ou 54,5 quilos.

7 – Um filhote de 1 ano de idade tem a mesma maturidade física de um humano de 15 anos: Cada raça envelhece de forma diferente, cães de grande porte envelhecem mais rápido do que cães de porte pequeno; para calcular a idade do seu cão use essa “calculadora de idade dos cães” .

8 – O olfato de um cão é 1000 a 10.000 vezes mais apurado do que de um humano: Dependendo da raça o olfato de um cachorro é dotado de 300 milhões de glândulas comparado aos meros 5 milhões dos humanos. A parte do cérebro dos cães que controla o olfato é 40 vezes maior do que nos humanos, mesmo o cérebro dos cães seendo bem menor do que o cérebro humano.

9 – Os cães ouvem 4 vezes mais do que os humanos: Filhotes nascem surdos, mas rapidamente ultrapassam a capacidade auditiva de qualquer humano. Os cães conseguem detectar frequências entre 67 e 45.000 hertz, enquanto nós detectamos sons entre 64 e 23.000 hertz, tanto nos cães quanto nos humanos a capacidade auditiva decai conforme a idade.

10 – Os cães detectam sentimentos dos humanos pelo olfato: Os cães conseguem detectar mudanças de humor através do olfato devido a mudanças na respiração ou suor. Estudos indicam também que cães conseguem detectar certas doenças, mudanças hormonais ou mesmo quando alguém na casa está grávida.

 

Esperamos que essas dicas ajudem a entender melhor essas criaturas que adotamos como membros da família e que parecem que estão a cada dia mais inteligente e espertos.
Só faltam falar.